Resultado de imagem para call of duty wwii

Confira nosso review de Call Of Duty WWII diretamente da BGS 2017

Call Of Duty foi um marco de games de guerra, ganhando muito fãs ao longo dos anos, não só por transportar o jogador a uma época de conflitos extremos e ter associado a isso uma boa jogabilidade, campanhas com cinematics perfeitas e multiplayers que davam ao jogador horas de diversão em meio a guerra.

A franquia perdeu o foco ao longo dos anos, pois concorrentes a altura surgiram e ao invés de transformar o bom produto que tinham em mãos, a Activision foi para outro caminho tentando reinventar Call Of Duty, porém fracassou em jogos fracos que pareciam cópias genéricas de Halo e Titanfall.

Os fracassos foram até um ponto bom para a empresa, pois o foco mudou, e temos um Call Of Duty incrível, que sabe trazer a atmosfera dos primeiros games e ao mesmo tempo ser um jogo “novo” de guerra para os novos consoles.

O cenário do jogo continua extremo, somos inseridos na segunda guerra mundial no ápice do conflito de uma forma brutal, afinal o desembarque em Normandia é sangrento, impiedoso e doloroso. Logo de cara, temos a atmosfera de guerra e nem começamos a primeira missão.

O emocional do seu personagem é testado logo nas primeiras missões ou nos primeiros minutos se preferir, afinal temos inimigos a frente, balas voando no chão e minas no chão. Clima hostil do jeito que tem que ser. Do jeito que um fã de games desse tipo quer.

Ao finalizar as primeiras missões, começamos a verificar as mudanças no novo game, a história da campanha é muito bem feita, história até melhor que os jogos de guerra lançados recentemente, mesmo na hora do clichê (Herói americano que salva o dia) a narrativa é tão boa que você nem liga pra isso.

O realismo é algo a ser notado em WWII, a Activision cria uma atmosfera hostil e crível e soube usar os atores para a captura de movimentos, temos momentos dignos de curta-metragem do gênero. O problema é que a campanha é bem curta. 6 horas de jogo devem ser suficientes para finalizar, mas cada hora gasta nisso é válida.

O multiplayer foi melhorado no novo game, dando ao jogador uma experiência mais purista e realista, nada de saltos duplos ou movimentos sobre humanos. Tudo que dever ser respeitado em uma boa história foi respeitado. A variabilidade de classes presentes nos multiplayer é interessante também, são 5 classes cada uma com uma característica e com certeza terá alguma que se encaixa no jeito que você gosta de jogar.

Uma mudança deve ser notada por jogadores que acompanham a franquia a mais tempo, o modo de obter itens mudou. Há loots de itens que podem ser obtidos durante as missões e loots que ficam disponíveis ao final dela. E temos ainda loots que são liberados no momento que você cumpre algo secundário na missão.

Em resumo, Call Of Duty retorna como um grande sinônimo de um bom game de guerra. É um jogo divertido, completo e imersivo. Uma ótima adição aos games desse gênero.

Call Of Duty WWII foi lançado em novembro pra Xbox One, Playstation 4 e PC.